Caso Lagoa Negra

Caso de avistamento de disco voador e contato com tripulantes do objeto ocorrido na região da Lagoa Negra, em Viamão (RS).


Jackson Luiz Camargo - ufojack@yahoo.com


Sumário:


 

 


Em Ufologia, honestidade é tudo. Ao copiar material deste site cite a fonte, assim como fazemos em nosso site. Obrigado!

 

Introdução

O caso Lagoa Negra é um dos clássicos da Ufologia Brasileira que teve como protagonistas um casal na faixa dos 40 anos, dois filhos e um capataz da fazenda. A região de Itapoá e Viamão, onde ocorreu o caso, às margens da Lagoa Negra, vinha sendo palco do aparecimento de OVNIs multicoloridos que evoluíam sobre a região. No mês de dezembro de 1957 vários casos ocorreram tendo como testemunhas moradores da região.

Em janeiro de 1958 ocorreu o caso mais importante em que um objeto de formato discoidal aterrissou nas margens da Lagoa Negra, no município de Viamão, no Rio Grande do Sul. O disco aterrissou a aproximadamente 400 metros da casa onde estavam as testemunhas. O fazendeiro e o capataz da fazenda se aproximaram do objeto e se esconderam em um declive, de onde puseram-se a olhar o objeto. A mulher e as crianças ficaram na casa. O objeto era intensamente iluminado.

Ao lado do objeto haviam dois seres altos (mais ou menos 2 metros de altura), com cabelos negros e longos que caíam pelos ombros. Os rostos dos seres pareciam "cheios" e tinham a pele clara. Não calçavam absolutamente nada, ou seja estavam descalços. As mãos pareciam ser mais alongadas. Os seres vestiam uniformes tipo macacão, de cor branca e apresentavam uma faixa larga na cintura. Os seres, quando andavam, não dobravam os joelhos. Pouco depois apareceram mais três tripulantes, que eram mais baixos (cerca de 1,40 metros de altura). Estes apresentavam pele clara, cabelos longos e usavam macacões marrons e pequenas botas. Também apresentavam um cinturão largo. Tinham o mesmo andar rígido, só que mais rápido. Estes permaneceram todo o tempo debaixo do disco.

Os seres mais altos foram até uma cerca de arame que existia entre a casa e a lagoa. Depois voltaram ao disco, voltando novamente para a cerca. Só que seguiram direto para a porteira. Os seres pareciam deslizar sobre o chão. Os seres pararam perto de um estrado de madeira que ficavam sobre um valo. Eles voltaram para o objeto, voltando depois para o vão de madeira, passando por ele e pela porteira. Ao passar pela porteira eles a fecharam, deixando como ela estava. Eles seguiram, então, para a casa. Os ferozes cães de guarda da fazenda não latiram contra os seres. O capataz resolveu sacar sua arma, mas foi dissuadido pelo patrão.

O seres chegaram até uns 60 metros da casa. Uma das crianças afirmou: "Mãe, eles parecem santos!" Pouco depois, o seres voltaram ao objeto que decolou e foi embora. No dia seguinte foram encontradas dois tipos de pegadas. Uma, de pés descalços e outras de calçados pequenos.


Região de Lagoa Negra, em Viamão (RS), onde ocorreu o caso Lagoa Negra

Tipo físico dos seres observados no Caso Lagoa Negra


Comentários (4)

Você está revendo: Caso Lagoa Negra
Sort
5/5 (4)
FacebookGoogle+Twitter
Gravatar
Full StarFull StarFull StarFull StarFull Star
Maria Luiza (Porto Alegre, Brazil) diz...
Moro há mais de 13 anos em Itapuã. Numa noite logo que cheguei minha mãe e eu vimos uma bola azul cobalto vindo da Lagoa Negra ou Laguna dos Patos em direção à Reserva onde desapareceu onde o Guaíba encontra com a Laguna dos Patos, muito devagar e numa altura acima dos Pinus. De outra feita éramos mais pessoas num Natal e as bolas azuis eram menores e circulavam bem baixo de uma ponta a outra nos fundos dos meu sítio rápidas e para frente e para trás.Lindo de ser ver !
1 November 2017 08.13
Gravatar
Full StarFull StarFull StarFull StarFull Star
Marco Aurélio Chaves Nunes (Porto Alegre, Brazil) diz...
Conheço a região e tenho varios relatos, sou ufologo a 25 anos tenhos dezenas de casos, esta região sem duvida, o local com maior casos ovine do mundo.
20 September 2017 11.18
Gravatar
Full StarFull StarFull StarFull StarFull Star
Cliver Camilo Rey (Porto Alegre, Brazil) diz...
ADOREI !!! Este relato quero receber sua News Letter!
13 February 2017 08.59
Gravatar
Full StarFull StarFull StarFull StarFull Star
valmir de medeiros moreira (criciuma sc) diz...
morei muitos anos ai e tomei muitos bahnos nesta lagoa um dia ainda voltarei para matar a saudade
16 June 2016 21.53
Página 1 de 1

Adicionar Comentário

* Informação requerida
(não será publicado)
 
Bold Italic Underline Strike Superscript Subscript Code PHP Quote Line Bullet Numeric Link Email Image Video
 
Smile Sad Huh Laugh Mad Tongue Crying Grin Wink Scared Cool Sleep Blush Unsure Shocked
 
3000
 
Notifique-me de novos comentários via email.
 



Referências:

- Livros
  • BULHER, Walter e PEREIRA, Guilherme. O Livro Branco dos Discos Voadores. Petrópolis: Ed. Vozes, 1983.
  • DURRANT, Henry. Primeiras investigações sobre os humanóides extraterrestres. Tradução de Luzia D. Mendonça. São Paulo: Ed. Hemus,1980.
  • CARRIÓN, Felipe Machado. Discos voadores - Imprevisíveis e conturbadores. Escola Gráfica Educandário São Luiz, 1968.

 


- Boletins
  • B15 Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores - Edição 15
  • B63 Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores - Edição 1975
  • B64 - PEREIRA, Jader. Tipologia dos humanóides extraterrestres. Coleção Biblioteca UFO, nº 1, Março 1991.

 


- Artigos de Revistas
  •  

 


- Documentos Oficiais
  •  

 


- Vídeos e Documentários

 


- Sites e Blogs
  •  
     

- Outros
  •