Encontro em Carazinho (RS)

Em Carazinho (RS), ocorreu um importante caso de pouso de OVNI, em 26 de julho de 1965, com efeitos fisiológicos na testemunha.


Por Jackson Luiz Camargo - ufojack@yahoo.com

 

 


Em Ufologia, honestidade é tudo. Ao copiar material deste site cite a fonte, assim como fazemos em nosso site. Obrigado!

 

Introdução

Em 26 de julho de 1965, ocorreu um belo caso ufológico na cidade de Carazinho (RS). O caso ocorreu no inicio da noite quando o estudante Adilon Batista de Azevedo, 14 anos na época, saiu de casa na companhia de amigos para ir ao cinema. Adilon, morava na periferia da cidade e por isso teriam de ir a pé até o centro da cidade.

Eles logo chegaram em um terreno baldio, entre as ruas Quinze de Novembro, General Canabarro e Alexandre da Mota. Nesse local avistaram um foco de luz, em formato de cone originando de uma nuvem. A luz iluminava uma área de uns 10 metros de diâmetro. Havia também um ruído estranho. Os garotos, assustados, pensaram de início tratar-se de uma estrela cadente que havia atiçado abelhas que estariam produzindo o ruído. Enganados começaram a correr na esperança de fugir das possíveis abelhas. Apenas Adilon parou para observar melhor e logo viu um objeto, de formato ovóide, com 5 metros de comprimento por 1,5 de altura, aterrissar no terreno baldio, a uns 40 metros do local onde se encontrava. Este objeto pairou a aproximadamente 1 metro do chão.

Poucos minutos depois surgiu um novo objeto que da mesma forma desceu perto do primeiro. Eles eram idênticos em sua forma, porem o segundo objeto era um pouco menor, tendo 2 ou 3 metros.

Dois pequenos seres, de 1,50 m de altura, saíram do engenho maior e começaram a andar em volta do aparelho. Estes gesticulavam e conversavam entre si em idioma desconhecido. Adilon observou a cena por alguns minutos. Quando as criaturas viraram-se de costas para Adilon este avançou e entrou no terreno baldio para ver mais de perto. Ele agachou-se atrás das paredes de cimento de um poço. Segundo Adilon os tripulantes do objeto usavam roupa escura e capacete luminoso. Saindo do capacete descia uma faixa mais escura, saindo da parte da frente, na altura do nariz, seguindo até o peito.

Após uns 5 minutos de observação, a testemunha observou que três outros seres saíram do objeto menor se dirigindo aos tripulantes do primeiro objeto. Um dos elementos do segundo grupo segurava um objeto luminoso e andava de um lado para o outro. Pouco depois, os dois seres do primeiro grupo deram três voltas em torno de sua nave e entraram nela. O aparelho decolou verticalmente produzindo o ruído e desaparecendo em seguida. Os três tripulantes do outro objeto objeto continuaram conversando por mais alguns minutos, depois entraram no objeto que decolou e voou rapidamente perdendo-se no horizonte.


Consequências

Depois desta experiência, Adilon foi ao encontro de seus colegas que já o esperavam no cinema. Adilon permaneceu ali apenas por meia hora pois começou a sentir uma forte dor de cabeça. Passou em uma farmácia, comprou um comprimido de Fontol, que não fez efeito. No dia seguinte, seu pai, o Sr. Gomercindo Batista Azevedo, impressionado com a história, levou-o ao médico. Este lhe receitou calmantes e sedativos que também não funcionaram. Sua dor de cabeça continuou por mais 5 dias cessando repentinamente após isso.

 

Observação Fenomenum

Nos boletins da SBEDV, bem como em livros e artigos sobre casuística ufológica, o protagonista do caso é citado como Adilson Batista de Azevedo. Com base em contatos com a família do protagonista, usamos em nosso artigo aqui no Portal Fenomenum o nome correto: Adilon Batista de Azevedo.


Adilon Batista de Azevedo, protagonista do caso

Croqui, disponível no boletim da SBEDV, representando o caso

Comentários (1)

Você está revendo: Caso Carazinho
Sort
5/5 (1)
FacebookGoogle+Twitter
Gravatar
Full StarFull StarFull StarFull StarFull Star
Mateus Azevedo (carazinho) diz...
essa historia esta em nossa familia a anos, ADILON era meu pai, infelizmente falecido em novembro de 2008, fico feliz de seu contato com Ovnis não tenha se perdido com passar do tempo... :D
13 July 2016 18.19
Página 1 de 1

Adicionar Comentário

* Informação requerida
(não será publicado)
 
Bold Italic Underline Strike Superscript Subscript Code PHP Quote Line Bullet Numeric Link Email Image Video
 
Smile Sad Huh Laugh Mad Tongue Crying Grin Wink Scared Cool Sleep Blush Unsure Shocked
 
3000
 
Notifique-me de novos comentários via email.
 



Referências:

- Livros
  • BULHER, Walter e PEREIRA, Guilherme. O Livro Branco dos Discos Voadores. Petrópolis: Ed. Vozes, 1983.

 


- Boletins
  • Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores -- nº 45/47
  • Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores -- nº 51/53
  • Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores -- nº 54
  • Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores -- Especial 1975

 


- Artigos de Revistas
  • SBEDV. Contatos com extraterrestres no Brasil. Revista UFO, Campo Grande, nº 1, p.5 p.11, março 1988.

 


- Documentos Oficiais

 


- Vídeos e Documentários

 


- Sites e Blogs
  •  
     

- Outros
  • PEREIRA, Jader. Tipologia dos humanóides extraterrestres. Coleção Biblioteca UFO, nº 1, Março 1991.