O Misterioso Caso Barroso - Entrevista com o Jornalista Jonas Sousa

Um dramático caso ufológico em que a testemunha foi atingida por um feixe de luz no rosto. Posteriormente entrou em processo de rejuvenescimento físico e mental deixando médicos estupefatos.

Página 4 - Entrevista com o Dr. Magalhães


Página 5 - Entrevista com o Jornalista Jonas Sousa


Página 6 - Entrevista com o Jornalista Sinval Carlos


Por Reginaldo de Athayde (Baseado no livro: ETs, Santos e Demônios na Terra do Sol, de autoria de Reginaldo de Athayde, pesquisador original do caso).

Sumário:


 

 


Em Ufologia, honestidade é tudo. Ao copiar material deste site cite a fonte, assim como fazemos em nosso site. Obrigado!

 

Introdução

Jonas Sousa de Oliveira ou apenas Jonas Sousa, um dos mais conceituados jornalistas da região, acompanhou o caso Barroso desde o início e, embora ciente dos acontecimentos ufológicos, atuava apenas como jornalista, declarando que somente acreditaria em UFOs após testemunhar as evoluções ou pouso de um destes objetos. Até que um dia... Bem, vamos à entrevista:

Athayde – Como bom jornalista, você tem acompanhado o Caso Barroso desde o início. O que sabe sobre ele?

Jonas Sousa – Tudo que já lhe contamos. Talvez você saiba mais do que nós.

Athayde – Você poderia nos contar novamente?

Jonas Sousa – Claro! Fomos avisados que um cidadão, no caso o Luis Barroso Fernandes, havia sido atacado por um disco voador. Naqueles três últimos dias havia acontecido vários avistamentos de luzes rodopiando, bolas de fogo e outros fenômenos, inclusive com os alunos do Colégio Virgílio Távora e alguns rurícolas. Recebemos inúmeras informações na Rádio. Soubemos que quando Barroso seguia em sua charrete, alguma coisa passou por cima dele e parou alguns metros à frente. Depois, parece que seres abriram uma porta no objeto e o paralisaram com um raio de luz. Ele perdeu os sentidos e foi encontrado adiante por um homem que passava no local. Em casa, contou a história aos familiares e amigos.

Athayde – Como ele estava se sentindo?

Jonas Sousa – Sentia-se doente, com dores, mal- estar, e estava com os olhos irritados e um lado do corpo vermelho. Foi atendido pelo Doutor Antonio Moreira Magalhães, que não acreditou na história. As coisas foram se complicando e o resultado está aí: um homem doente, que vegeta em cima de uma cama sem diagnóstico, apenas à espera da morte. O que tenho a duvidar?... Não possuo provas, mais aconteceu algo. Como jornalista e radialista, eu transmitia as notícias, mas tinha minhas dúvidas. Somente agora, depois de avistar três objetos não identificados, é que realmente comecei a acreditar.

Athayde – Você viu três objetos? Pode nos contar?

Jonas Sousa – Sim. Você conhece a história. O Doutor Evandro Moisés Ferreira – médico veterinário e filho do coronel João Moisés Ferreira, dono da fazenda Monte Lima, nos telefonou dizendo que três objetos aéreos não identificados estavam parados no céu da sua fazenda. Ele disse também que havia telefonado para você em Fortaleza, que solicitou a ele que nos contatasse na Rádio. Pensamos tratar-se de um trote, mas ele se prontificou a nos mandar buscar em casa imediatamente. Eu concordei e fui até a fazenda.

Athayde – O que você viu?

Jonas Sousa – A coisa mais linda que já pude ver. Eram três objetos, conforme tomamos conhecimento. No início, tinham apenas dois. O outro chegou depois velozmente, e parou entre os que ali estavam. Eram dois discos de luzes que variavam entre as cores verde, vermelha e marrom. De longe não era possível distinguir bem as cores. Eram lindos e impressionantes. Fiquei verdadeiramente pasmo! Assisti as evoluções dos UFOs durante aproximadamente 40 minutos, mas soube que eles estavam lá a mais de uma hora – realizando movimentos de ziguezague como se quisessem chamar a atenção. Paravam, subiam, desciam, iam para os lados, tudo em perfeita coordenação. Eram dirigidos por algo inteligente, não tenho dúvidas.

Athayde – E depois, o que você sentiu?

Jonas Sousa – Rapaz, eu fiquei impressionado e até mesmo com medo. No meu quintal tem um farol a gás para usarmos quando falta luz e, naquele dia, eu esqueci de trazê-lo para dentro de casa. Quando me lembrei, já era tarde e fiquei com medo de ir buscá-lo. Os discos voadores me impressionaram de maneira tal que não consegui dormir à noite. Passei várias noites seguintes com a cena gravada na mente. Foi incrível. Ali estavam as naves, pois eram realmente discos voadores e eu os estava vendo. Ainda hoje penso naquele espetáculo que tive o privilégio de presenciar.

Athayde – O que você pensar sobre a onda ufológica aqui em Quixadá?

Jonas Sousa – Não sei. Penso que eles escolheram a nossa cidadezinha para suas evoluções ou experiências. Quem pode saber o que realmente querem por aqui? A verdade é que a Imprensa do Sul e os estrangeiros vêm à cidade e sempre nos procuram. Você levou o nome Quixadá para bem longe...

Athayde – Eu não. Os UFOs! Mas de quantos casos você já tomou conhecimento como jornalista?

Jonas Sousa – Já perdi a conta. São dezenas, você sabe. É impressionante como a cada dia estas infernas máquinas aéreas aparecem por aqui.

Athayde – Voltando ao caso, você tem alguma dúvida que sejam objetos vindos de outro planeta, ou acha que pode ser coisa aqui da terra mesmo?

Jonas Sousa – Pelo que vi em Monte Lima e pelo que estou pesquisando agora, não pode ser terrestre, pois desafiam todas as leis da Física que conhecemos. O Caso Barroso não nos permite mais ter dúvidas quanto à existência dos discos voadores.

Athayde – O que as autoridades locais pensam disso?

Jonas Sousa – Athayde, elas não podem fazer nada. São impotentes perante tanta tecnologia. Se as grandes potências não fazem nada, o que poderão fazer nossos prefeitos ou delegados? Além do mais, no Caso Barroso, as autoridades daqui não levaram muito a sério e hoje o juiz e o delegado não são mais os mesmos da época. Para qualquer providência legal seria tarde demais, você não acha? Eu creio que vocês, que tem um contato mais próximo com os americanos que chegam aqui, deveriam procurar saber o que está sendo feito ou o que se fará. Nós, quixadaenses, somos impotentes diante desses objetos. O fato é que eles existem e estão aqui e ali fazendo o que bem querem sem que possamos tomar qualquer providência, concorda?

Conheça este caso mais detalhadamente acessando nosso menu abaixo:

Resumo do Caso
Conheça os detalhes envolvendo o Caso Luis Barroso Fernandes

Quadro Clínico de Barroso Após a Experiência
Saiba mais sobre o quadro clínico de Barroso e como os médicos encararam o caso

Entrevista com Luis Barroso Fernandes
Luis Barroso Fernandes, pouco tempo após o caso, concedeu entrevista à ufólogos, confira!

Entrevista com o Dr. Magalhães
Entrevista com o principal médico envolvido com o Caso Barroso

Entrevista com o Jornalista Jonas Sousa
Entrevista com o Jornalista Jonas Sousa

Entrevista com o Jornalista Sinval Carlos
Entrevista com o Jornalista Sinval Carlos

Entrevista com o Dr. José Pelegrino Alves
Entrevista com o médico Dr. José Pellegrino Alves, que atendeu Barroso em Fortaleza

Galeria Caso
Galeria com imagens, fotografias e desenhos sobre o caso.


Comentários (8)

Você está revendo: Caso Barroso
Sort
5/5 (7)
1 2 > último
FacebookGoogle+Twitter
Gravatar
Full StarFull StarFull StarFull StarFull Star
DIEGO CARVALHO GUIMARÃES (Sobral, Brazil) diz...
Experiência mal sucedida
10 September 2016 18.35
Gravatar
Full StarFull StarFull StarFull StarFull Star
Dinho diz...
Ele viu uma espaçonave e seus tripulantes antes, então como pode ter sido AVC? E o rejuvenescimento?
4 August 2016 09.47
Gravatar
Julia (Pará de Minas) diz...
Curioso o quadro apresentado. Acho difícil que a explicação do colega Charcot se sustente neste caso. Este senhor teve uma experiência ufológica que alterou seu estado de saúde que antes era perfeito. Seria uma coincidência muito grande tudo isso acontecer a este senhor justamente quando teve um contato ufológico. Estou convicta de que seus sintomas se devem à este caso. Disso não tenho dúvidas. É um caso inédito na Ufologia e na Medicina.
27 July 2016 13.23
Gravatar
Full StarFull StarFull StarFull StarFull Star
Charcot diz...
Hipertenso nao-diagnosticado >> insuficiencia cardiaca >> AVC embólico frontotemporal à esquerda >> epilepsia focal sintomática.
Pele brilhante de jovem = anasarca ou edema generalizado.
Músculos rígidos = sindrome piramidal.
26 July 2016 15.43
Gravatar
Full StarFull StarFull StarFull StarFull Star
ana (andirá) diz...
acredito que o que aconteceu ao barroso não tenha sido intencional, e talvez consequencia do choque e radiação,teria ele tido um AVC e lesado a área cognitiva,levando-o a um estágio de vida inicial???
11 July 2016 21.18
1 2 > último
Página 1 de 2

Adicionar Comentário

* Informação requerida
(não será publicado)
 
Bold Italic Underline Strike Superscript Subscript Code PHP Quote Line Bullet Numeric Link Email Image Video
 
Smile Sad Huh Laugh Mad Tongue Crying Grin Wink Scared Cool Sleep Blush Unsure Shocked
 
3000
 
Notifique-me de novos comentários via email.
 



Referências:

- Livros
  • PRATT, Bob. Perigo Alienígena no Brasil. Tradução de Marcos Malvezzi Leal. Campo Grande: CBPDV, 2003.
  • ATHAYDE, Reginaldo. ETs, Santos e Demônios na Terra do Sol. Campo Grande: CBPDV, 2003.

 


- Boletins
  •  

 


- Artigos de Revistas
  • ATHAYDE, Reginaldo. Extraterrestres atacam e matam no nordeste. Revista UFO, Campo Grande, nº 7, p.7-11, abr/jun 1989.
  • Athayde, Reginaldo. Aliens provocam pânico e terror no sertão do Ceará. Revista UFO, Campo Grande, nº 17, p.36-38, ago/set 1991.

 


- Documentos Oficiais
  •  

 


- Vídeos e Documentários

 


- Sites e Blogs

- Outros
  •