Nave Mãe ou Pedaço da Apollo 11?

Famosa fotografia de UFO em forma de charuto, atribuída à Apollo 11, é mais um caso de erro de interpretação.


Equipe CIPEX

Sumário:

 

 

Em Ufologia, honestidade é tudo. Ao copiar material deste site cite a fonte, assim como fazemos em nosso site. Obrigado!

 

Introdução

Outro caso de fraude que circula no meio ufológico é uma alegada fotografia da superfície lunar que teria sido obtida pelo astronauta Neil Armstrong, da Apollo 11. Nesta imagem observa-se um objeto de formato cilíndrico contra a superfície lunar. A imagem é apontada por alguns pesquisadores mais afoitos como a prova real da presença de gigantescas naves mãe na superfície lunar. A verdade é bem diferente. Para começar citamos o fato de que a fotografia não foi obtida pelos astronautas da Apollo 11 e sim da Apollo 16. A fotografia real recebe a denominação AS16-120-19238. Analisando o vasto arquivo de fotografias do Programa Apollo encontra-se outras imagens que dissolvem o mistério e fica claro que tal estrutura é apenas um pedaço da própria Apollo. Confira as imagens abaixo:


Imagem originalmente divulgada e atribuída à Neil Armstrong. O objeto na fotografia seria uma gigantesca nave mãe estacionada sobre o planeta.

Fotografia original, que na verdade foi obtida pelos astronautas da Apollo 16. Nesta imagem percebe-se que o desfoque é causado pela proximidade da haste da cápsula.




Hastes da cápsula erroneamente interpretadas como uma nave mãe acima da Lua.




Aqui temos duas fotografias obtidas durante acoplagens das cápsulas. Percebe-se com facilidade a presença da haste esclarecendo de vez o mistério.

Infelizmente para alguns provas cabais como esta não bastam e a imagem ainda continuará presente em meios de divulgação ufológica.

Comentários

Sem comentários.

Adicionar Comentário

* Informação requerida
(não será publicado)
 
Bold Italic Underline Strike Superscript Subscript Code PHP Quote Line Bullet Numeric Link Email Image Video
 
Smile Sad Huh Laugh Mad Tongue Crying Grin Wink Scared Cool Sleep Blush Unsure Shocked
 
3000
 
Notifique-me de novos comentários via email.
 

Referências:

- Livros
  •  

 


- Boletins
  •  

 


- Artigos de Revistas
  •  

 


- Documentos Oficiais

 


- Vídeos e Documentários

 


- Sites e Blogs
  •   

 


- Outros