Conduzindo Entrevistas

Saiba como realizar ou conduzir entrevistas com testemunhas de eventos ufológicos.
Você está aqui:
Página Inicial >> Mundo Ufológico >> Conduzindo Entrevistas


Por Equipe CIPEX

Sumário:

 

 

Em Ufologia, honestidade é tudo. Ao copiar material deste site cite a fonte, assim como fazemos em nosso site. Obrigado!

 

Introdução

Experiência Subjetiva

As testemunhas são nosso principal objeto de pesquisa, pois geralmente são elas que presenciam, denunciam, divulgam ou são vítimas do fenômeno ufológico. Sem seu depoimento a ufologia, a psicologia ou as Ciências Humanas, não seriam hoje o que são. Apesar de seu depoimento subjetivo, o pesquisador deve ter o critério de saber divergir depoimentos sérios de exageros que muitas vezes fazem parte da vida da testemunha. Exageros a parte, os depoimentos devem ser preferencialmente colhidos em gravadores pequenos para diminuir a inibição do depoimento. É justamente por esse fator preponderante que alguns grupos ufológicos de renome preferem ausentar-se de parafernálias tecnológicas, no caso o gravador, para não perder a autenticidade do depoimento. O problema é que a memória do pesquisador ou pesquisadores nem sempre é confiável e também apresenta subjetividade de sua parte que mesmo tentando ser neutro, não percebe sua influência. Portanto o uso do gravador, diminui os riscos subjetivos e aumenta o detalhamento da experiência, sem contar que também a emoção da testemunha pode ser registrada.

Como proceder na Entrevista

A princípio aconselha-se que a testemunha narre a história como se estivesse contando-a pela primeira vez. O pesquisador deve anotar suas dúvidas em uma prancheta enquanto observa atentamente o comportamento da testemunha. Nunca deve interferir na primeira audição. As perguntas somente devem ser realizadas após a testemunha terminar seu primeiro depoimento. Em seguida o pesquisador de posse das anotações da prancheta realiza seu interrogatório muitas vezes interrompido naturalmente pela testemunha que geralmente lembra detalhes esquecidos em seu primeiro depoimento.

OBS. IMPORTANTE: Nunca induza a testemunha acrescentando informações ao seu depoimento. Se ela não lembra de uma informação, tenha paciência e aguarde o momento certo para que ela possa lembrar-se do fato. Nesses casos uma técnica que funciona muito bem é voltar atrás alguns minutos repetindo o depoimento da testemunha, facilitando a lembrança da informação faltante.

Mais de Uma Testemunha

Se existe mais de uma testemunha elas devem ser advertidas para separarem-se no momento da investigação. Primeiro procure entrevistar uma de cada vez separadamente. Depois é recomendável que sejam novamente postas juntas, pois costumam corrigir-se mutualmente. Também serve para o pesquisador mais astuto notar quando uma história é real ou inventada. Outro recurso recomendado seria o de repetir a dose em outra data posteriormente. Os “exagerados” ou contadores de história costumam a cada vez que contam exagerar mais e mais suas histórias. Se os detalhes são minuciosos mas não mudam, mesmo que simples ou aborrecidos, são mais dignos de veracidade do que o contrário.

Desenhos de Objetos e ou seres feitos pelas Testemunhas

Os desenhos são o principal fator preponderante em uma pesquisa de campo. Se o pesquisador tiver sorte a testemunha será um ótimo desenhista, mas advertimos que na maioria das vezes isso não ocorre. Geralmente somos nós, ou um amigo pesquisador que temos que pegar a caneta ou lápis e fazer os rabiscos. De qualquer forma é importante insistir com a testemunha que ela desenhe mesmo que com poucos traços e assine sua obra, para arquivo e comparação. Também aqui é necessário que as testemunhas desenhem ou descrevam o objeto ou criatura avistados separadamente dos demais e depois novamente um desenho em conjunto é recomendável. O pesquisador em questão sempre deve assinar ao final do trabalho seus relatórios e desenhos das testemunhas ufológicas.

Nível de conhecimento da Testemunha

Saber o nível de instrução da testemunha é importante, mas mais ainda seria saber sobre seus conhecimentos sobre o assunto OVNI. Quanto maior seu conhecimento sobre o assunto maior as chances de invenções e comparações que podem prejudicar a seriedade da pesquisa. Nesse caso a ignorância sobre o assunto é preferivelmente aconselhável.

Comentários

Sem comentários.

Adicionar Comentário

* Informação requerida
(não será publicado)
 
Bold Italic Underline Strike Superscript Subscript Code PHP Quote Line Bullet Numeric Link Email Image Video
 
Smile Sad Huh Laugh Mad Tongue Crying Grin Wink Scared Cool Sleep Blush Unsure Shocked
 
3000
 
Notifique-me de novos comentários via email.
 



Referências:

- Livros
  •  

 


- Boletins

 


- Artigos de Revistas
  •  

 


- Documentos Oficiais

 


- Vídeos e Documentários

 


- Outros